Melhores do mês
1 de fevereiro de 2017

Fala galera, tudo certo com vocês? Estou aqui com mais uma indicação de melhores do mês aqui para vocês como de costume. Ainda estou um pouco com problemas na mão por causa do surto da Esclerose, mas não posso deixar vocês sem nada, não é mesmo? E vocês estão vendo algumas pequenas novidades no blog, tem mais chegando, ok? Já já vou trazer muuuuuita coisa nova para vocês.

Série do mês: Grey’s Anatomy

Grey’s Anatomy foi a série que eu fiquei totalmente viciada nesse mês. Uma amiga minha me recomendou, eu ignorei. Depois de um tempo, estava num tédio danado e todo mundo do meu Facebook parecia surtar com a trama de Meredith. Fiquei “mas que cacete, o quê esta série tem que todos amam?” Comecei a ver e fiquei viciada. Se você gosta de séries médicas, com drama e romance eu recomendo. Se você gosta de casos médicos estranhos também vai gostar, pois muitos dos casos relatados na série são inspirados em casos reais.

Imagem: Filmes Online X

Game/App do mês: The Walking Dead: a New Frontier

The Walking Dead lançou no final do ano passado e eu nunca tive interesse em jogar a saga de Clementine. Fiquei bem receosa em comprar quando anunciou, pensei melhor não e hoje eu espero a New Frontier entrar em promoção na Steam para comprar junto com os outros jogos. A Telltale investiu num jogo com gráficos que lembram quadrinhos assim como de costume e com a história que segue um percurso conforme as suas decisões, o que é bem dinâmico e me deixou interessada para jogar os outros.

Imagem: Steam

Livro do mês: PewDiePie – Este Livro te Ama

Tenho quase certeza que eu já indiquei este livro te ama no blog, mas como eu não lembro estou indicando aqui novamente. Eu fiquei meio na bad e o livro do PewDiePie me ajudou com algumas frases engraçadas e motivacionais. Foi muito bom ler para rir um pouco.

Imagem: sobrenet.pt

Filme do mês: No Pique de Nova York

Esse mês de janeiro teve muita coisa no cinema, muitas novidades e eu não vi nenhuma, mas vi um filme de 2004, época que eu era Juki cotoquinho, e deu muita nostalgia! Saudades de ver esse filme. No Pique de Nova York é sobre irmãs gêmeas Jane e Roxy (interpretadas pelas gêmeas Olsen) que tem personalidades totalmente opostas; enquanto Jane é certinha e está indo realizar um grande discurso acadêmico, Roxy é uma roqueira que sonha em ser uma rock star. As duas se envolvem em uma confusão enquanto viajam para Nova York quando um cara coloca um chip de computador na bolsa de Roxy.

Imagem: vicstemumblog.com

Site do mês: DeviantART

Eu tinha uma conta no DeviantART mas parei de usá-la um bom tempo. Outro dia, estava procurando algumas fanarts e voltei a me relacionar com este site lindo com artistas que fazem você esconder os seus bonequinhos de palitinho e com histórias fascinantes. Você pode pesquisar qualquer coisa e filtrar coisas como desenhos, texto, colocar como filtro as postagens recentes e muito mais.

Imagem: Deviantart t1na

Álbum do mês: Taylor Swift – Speak Now

Speak Now é um álbum de 2010 que eu amo muito. Para mim, é sem dúvidas o  melhor álbum dela. Tudo foi perfeito: escolha de singles, photoshoot, letras de músicas, harmonia, a turnê, foi tudo incrível, coisa de você ver no YouTube e querer estar lá.

Imagem: Wallpaper Cave

Anime do mês: Ben 10 – Força Alienígena

Eu não sei se contaria como anime, pois para mim Ben 10 sempre foi e sempre será um desenho, mas como eu vi em um site de animes eu me senti na obrigação de deixá-lo na parte de animes do blog.  Sei que muita gente vai ficar “uau, você vê Ben 10?” galera, eu era viciada nesse desenho/anime. Se estava passando no Cartoon Network eu ia lá assistir tranquilamente e esses dias me deu saudade (parecendo melhores do mês da nostalgia hahaha). Esse desenho/anime é a continuação de Ben 10, só que com os protagonistas mais velhos (time skip de 5 ou 6 anos) e com algumas coisas mais maduras, o que não deixa o anime/desenho tão infantil.

Imagem: DS Cartoons

Canal do YouTube do mês: ElectronicDesireGE

Saiu Resident Evil este ano e eu prometi para mim mesma que evitaria ao máximo saber sobre o jogo, porém eu li muitas reviews positivas sobre o jogo e resolvi acompanhar no YouTube. Acompanhei no canal do Alan, pois ele faz piadas nos momentos de susto e no decorrer do jogo, o que alivia um pouco a tensão. Depois que a série de RE7 acabou, fiz maratona de algumas séries dele e se você gosta mais de jogos de terror ou quer pegar indicações de jogos de terror, vai se divertir no canal do Alan.

Juki

Graduanda em letras e canceriana de 22 anos na identidade, mesmo com cara de 17. Apaixonada por games, música e literatura, viciada em animes e mangás e louca por chocolate.