Uncategorized
8 de novembro de 2015
Gênero: Ação, Comédia, Ecchi, Vida Escolar
Autor: Yuu Miyazaki
Direção: Manabu Ono e Kenji Setou
Estúdio: A-1 Pictures
Ano: 2015
Classificação: +14
Sinopse: A Cidade Acadêmica na água, Rikka, também conhecida como Asterisk, é o maior estádio para o show de batalha integrado, o “Festival Star Wars”. Os jovens garotos e garotas da “Geração Genestella” pertencentes às seis academias fizeram seus desejos com Armamentos Brilhantes em suas mãos, competindo por supremacia. Amagiri Ayato é um deles. Ayato chegou em Rikka pelo convite da presidente do conselho estudantil da Academia Seidokan, Claudia e logo já causou a ira da “Bruxa das Chamas Resplandecentes” Julis, o que resultou num duelo com ela. A maior diversão das batalhas acadêmicas começa aqui!
-xx-
Fala galera, tudo certo? 
Primeiro me desculpem por não ter post ontem, é que eu fiquei muito na correria e não consegui pensar em nenhum post ): Desculpem de verdade, mas, a partir de hoje, as postagens voltam ao normal, todos os dias às 13h 😀
Gakusen Toshi Asterisk é mais um anime que eu descobri graças às indicações do Super Animes e, na hora que eu vi o pôster, falei “Cara, que lindo, quero ver e quero esse cabelo rosa” na mesma hora. A história do anime acontece após o desastre chamado Invertia, que mudou radicalmente o mundo, fazendo com que a Fundação dos Impérios Integrados assumisse a liderança e que os humanos conseguissem ter habilidades fora do comum.
Ayato, um jovem que tem habilidades especiais, pega um lenço que havia caído de uma janela e vai entregar à dona, Julis. Porém, ao encontrar com Julis trocando de roupa, a garota recebe o lenço e chama o garoto para um duelo.
Durante o duelo, uma lança é mandada na direção de Julis e Ayato salva a garota. Após isso Claudia, a presidente do conselho estudantil, anula a luta, uma vez que o garoto ainda não é um aluno da escola. Claudia tenta convencer Ayato de entrar para a escola e o garoto aceita.
A história de Gakusen Toshi Asterisk é muito interessante, você fica com vontade de ver todos os episódios de uma vez, mas é meio difícil fazer isso (eu não consigo fazer maratona por muito tempo, meu máximo é 5h por dia). Porém, o anime tem algumas cenas ecchi, o que deixou a classificação com 14 anos e pode deixar algumas pessoas sem jeito ao assistir. Mas se você não se importa e gostou da premissa, eu recomendo. 
Comentários Facebook
Juki

Graduanda em letras e canceriana de 22 anos na identidade, mesmo com cara de 17. Apaixonada por games, música e literatura, viciada em animes e mangás e louca por chocolate.

Deixe sua opinião

Seu email não será publicado.



*