Uncategorized
25 de março de 2015
Oi galera, meu nome é Juliana e eu estou sem tomar refrigerante (vulgo refri) há seis dias.
Tudo começou com uma promessa que eu julguei simples, achei que seria fácil, mas é difícil comemorar sem uma Coca-Cola ou um Guaraná Antartica. 
Eu falei “se eu passar no exame de direção, vou ficar quatro meses sem tomar refrigerante”. Não, eu não sou “viciada em refrigerante” ou coisa do tipo. Eu apenas gosto de refrigerante e… só. Mas o mais engraçado não foi isso. Foi que eu passei e, no mesmo dia, teve reunião aqui no departamento e teve coca. Sim, teve suco também, mas estava um calor do cacete, aqueles dias que você fica falando “eu necessito de um refrigerante”. E eu fui forte. Não bebi um gole. Passei a quinta desejando uma coca bem gelada, aquelas de bar com gelo e limão. Mas pedi uma limonada suíça na cantina da faculdade. 
E a sexta-feira chegou. A sexta que a galera vai ao bar derramar umas cervejas pela garganta e, para quem não pode, vai beber o quê? Refrigerante. Mas, para começo de conversa, nem fui ao bar, resolvi ficar na faculdade mesmo e com suquinho de uva, imaginando que era uma Sukita de uva. 
O sábado foi mais tranquilo. Foi um dia que eu não tomei suco de uva, tomei vários outros tipos de suco. O mais engraçado é que o universo parece que conspira para você tomar um gole de refrigerante. De noite, minha mãe me pediu para ir comprar pizza e onde eu compro tem a promoção: big pizza e um guaraná antártica de 1,5 L. E eu com suco de caju.
Já o domingo foi muito mais tranquilo. Bebi suco natural e água o dia inteiro por causa de uma festa que eu fui e à noite eu bebi suco de caixinha.
E, conforme for o andar da carruagem, continuarei assim, bem e sem refri. Ou com vontade de abrir uma latinha na cara da sociedade.

Fala galera, tudo bem com vocês?
A ideia para esse post surgiu no domingo, que eu escrevi todo o post, mas, como fiquei sem internet, não tive como postar. E, já que eu não me atualizei a tempo de fazer um Aumente o Som hoje, resolvi postá-lo e deixar no ar a pergunta: vocês querem que eu continue com o “meu diário”?

Comentários Facebook
Juki

Graduanda em letras e canceriana de 22 anos na identidade, mesmo com cara de 17. Apaixonada por games, música e literatura, viciada em animes e mangás e louca por chocolate.

Deixe sua opinião

Seu email não será publicado.



*

  1. HONORATO, Sandro

    26 de março de 2015

    Boa tarde,
    Como vai?
    Eu evito refrigerante tem uns 4 meses. Acho que é algo que não me faz falta.
    Sucesso com sua promessa 🙂

    Beijos e se cuida
    http://www.rimasdopreto.com

  2. Nicolas Walter

    27 de março de 2015

    "O mais engraçado é que o universo parece que conspira para você tomar um gole de refrigerante."

    Tão verdade kkkkkkkkkkkkkkkkk Nossa Ju, eu imaginei você falando tudo isso. Rindo dias aqui. É cruel a tentação pelo refrigerante, mas com o tempo, acho que é como o colega acima disse, deixa de fazer falta. Só que eu nunca chego a etapa de não fazer mais falta HAHAHAHAAH Tem sido tipo um peso pra vcê? Pra mim é realmente um sacrifício D:

    E continue com o diário, eu adorei <3 Seria legal ter mais edições <3

  3. Heitor Botti

    28 de março de 2015

    Olá!

    Eu não conseguiria resistir! Por isso mesmo não aposto essas coisas, boa sorte!

    Abraços, Heitor
    shakedepalavras.blogspot.com