Uncategorized
28 de outubro de 2015
E aí galera! 
Achei essa ideia em um vídeo no canal JoutJout Prazer e achei interessante fazer aqui no blog também. O post é como se fosse uma carta para si mesmo, só que dez anos atrás. Vou fazer um outro post para a Juliana de 30 anos também hahaha. Acho que coloco essa semana no blog 😀
Olá eu,
Primeiro de tudo, relaxe. Você só tem dez anos de idade, ainda vai passar por muita coisa bem pior. Você vai tirar o aparelho mais rápido que você pensa, então relaxa. Você não vai ter festa de 15 anos, vai pedir uma viagem, mas faça melhor: peça dinheiro ou um carro quando você tirar carteira.
Não desista de nada. Sei que as pessoas te ajudam a fazer com que você queira desistir, mas fica de boas, vai dar certo. Você vai ficar algumas semanas da sua época de faculdade internada no hospital, mas a culpa não vai ser sua. Você vai achar que vai morrer, mas você vai viver. 
Não desista de querer cantar e aprender um segundo idioma. E depois do segundo, faça um terceiro e um quarto, principalmente se forem francês e japonês, se ajude a sair do Brasil. Falando em Brasil, na copa de 2014 aposte 7×1 para a Alemanha no jogo contra o Brasil. Você vai ficar rica.
Você está sonhando com o seu primeiro beijo, não está? Relaxa. Ele vai ser da forma bem menos romântica do mundo e você vai se martirizar durante toda a noite que beijou um cara em uma festa. Relaxa que o mundo não acaba, pamonha. Falando nisso, não tenha medo de se impor. Deixe a timidez de lado e aprenda a tocar o foda-se. Não, você é criança ainda, não pode falar essas coisas no alto, mas fale na sua mente, como você sempre falou. Eu sei, eu sou você.
E outra coisa: escuta sua mãe. Ela vai acertar na maioria das vezes, por mais que tenha errado em cortar seu cabelo curto. Se isso ainda não aconteceu, não deixe acontecer.
E outra coisa: cria coragem e escreva. Escreva para caralho, componha para caralho. Isso vai ser a sua terapia por um bom tempo.
E, por último, você vai criar um blog. Não abandone esse blog, ele vai trazer coisas incríveis para você. Você vai investir um tempo do cacete e ficar louca atrás de posts, mas vai ser muito bom conhecer novidades do mundo, ver séries, animes, ler livros e ver filmes que nem uma louca.
Comentários Facebook
Juki

Graduanda em letras e canceriana de 22 anos na identidade, mesmo com cara de 17. Apaixonada por games, música e literatura, viciada em animes e mangás e louca por chocolate.

Deixe sua opinião

Seu email não será publicado.



*

  1. Francine Porfirio

    29 de outubro de 2015

    Hahahaha, a parte da aposta na Alemanha na Copa é o máximo!
    Gente, quanta coisa aprendemos ao longo de 10 anos, não é verdade? Adorei sua carta. "Fique de boas" foi a grande mensagem. Não se irrite, não lamente, não se arrependa, não sofra… As coisas se resolvem. Eu certamente apreciaria ouvir minhas próprias recomendações para o "eu" de 10 anos.

    Beijos!
    http://www.myqueenside.blogspot.com

  2. Ariana Silva

    30 de outubro de 2015

    Olá Juliana que ideia bacana! Amei! Como seria bom, por um lado, de recebermos uma carta de nós mesmo, a qual foi escrita a dez anos, vinda diretamente do futuro… kkkk Lembrei do filme De volta ao futuro! Mas, ao mesmo tempo, seria algo que poderíamos mudar e as sensações a qual passou, não se repetirá, porque você saberá o que de fato aconteceu… Mas a coisa gostosa da vida é isso… É passar por esses momentos a qual nunca tínhamos passado.
    A história do primeiro beijo! kkkkk Pra quem não foi frustrante?! Ou, ficou se perguntando… será que é isso mesmo? Com toda certeza queria saber quanto a Alemanha tinha ganho do Brasil… Assim teríamos uma boa bolada para nos ajudar. Acreditar em sonhos e lutar por eles não tem preço. Espero a sua outra carta! Beijos
    Ariana Silva
    http://ariabooks.blogspot.com.br/

  3. Thais Maia – Notinhas de Rodapé

    31 de outubro de 2015

    Também vi essa vídeo no canal da JoutJout, achei a idéia fantástica. Há tantas coisa que gostaria de falar para mim de 10 anos atrás, principalmente "dê valor as amizades verdadeiras, e principalmente escute sua mãe em relação a isso. Ela sabe quem são seus amigos melhor que você".
    Nostalgia bateu agora kkkk

  4. Yasmim Borges

    31 de outubro de 2015

    Vi esse estilo de post em um outro blog e estou com muita vontade de fazer, se eu pudesse ter a oportunidade de guiar meu antigo "eu" ou o meu futuro "eu", o faria sem problema algum. Achei lindo a sua carta, parabéns.

    Biejos, Miih e o Mundo Literário

  5. Tony Ferr

    1 de novembro de 2015

    Olá, Juliana!
    Você tem textos muitos bons!
    Parabéns!

    Lino o seu blog!

    Abraços,

    Tony

  6. Olívia Sousa

    16 de novembro de 2015

    Olá

    Adorei a ideia do post, acho que s efosse no meu caso falaria pra eu não desistir tão facil das coisas que quero e nem ir pela cabeça dos outros.

    Bjss