Uncategorized
21 de março de 2015

Sinopse: Aos 91 anos, com problemas de saúde e sozinho no mundo, Ira Levinson sofre um terrível acidente de carro. Enquanto luta para se manter consciente, a imagem de Ruth, sua amada esposa que morreu há nove anos, surge diante dele. Mesmo sabendo que é impossível que ela esteja ali, Ira se agarra a isso e relembra diversos momentos de sua longa vida em comum: o dia em que se conheceram o casamento, o amor dela pela arte, os dias sombrios da Segunda Guerra Mundial e seus efeitos sobre eles e suas famílias. Perto dali, Sophia Danko, uma jovem estudante de história da arte, acompanha a melhor amiga a um rodeio. Lá, é assediada pelo ex-namorado e acaba sendo salva por Luke Collins, o caubói que acabou de vencer a competição. Ele e Sophia começam a conversar e logo percebem como é fácil estarem juntos. Luke é completamente diferente dos rapazes privilegiados da faculdade. Ele não mede esforços para ajudar a mãe e salvar a fazenda da família. Aos poucos, Sophia começa a descobrir um novo mundo e percebe que Luke talvez tenha o poder de reescrever o futuro que ela havia planejado. Isso se o terrível segredo que ele guarda não puser tudo a perder. Ira e Ruth. Luke e Sophia. Dois casais de gerações diferentes que o destino cuidará de unir, mostrando que, para além do desespero, da dificuldade e da morte, a força do amor sempre nos guia nesta longa jornada que é a vida.

-xx-

Fala galera, tudo certo?
Sei que hoje é sábado, dia de “Aumente o Som”, mas eu não tive tempo de procurar álbuns novos nesse tempo e acho que, até quarta, eu consigo ouvir mais um álbum completo. E, como eu estava nas páginas finais de “Uma Longa Jornada”, pensei em terminá-lo e escrever uma resenha para vocês!
Uma Longa Jornada é um romance que se passa na Carolina do Norte, assim como todos os livros de Nicholas Sparks (que eu me lembre, não sei se tem um que se passa em outra cidade). O primeiro capítulo é narrado por Ira, um velhinho simpático que sofre um acidente de carro e vai parar no hospital e acaba vendo sua mulher, já falecida há nove anos. No segundo capítulo conhecemos Sofia que está passando por uma fase conturbada com seu ex-namorado que a traiu não só uma ou duas, mas três vezes (quem leu, vai entender a referência). Com a ajuda de sua amiga Márcia, vai a um rodeio com a finalidade de esquecer os problemas, até que vê Brian, seu ex-namorado lá.
Brian mostra-se arrependido e tenta fazer com que Sophia volte para ele, mas a garota recusa. No meio disso, Luke vê a briga entre os dois e interfere, “salvando” Sophia. Após isso, os dois vão conversando e se conhecendo melhor até que, como todos os livros do Nicholas Sparks, eles se apaixonam. Porém, como Luke monta em touros, acontece um acidente e ele acaba parando no hospital.
Eu sou suspeita para falar dos livros do Nicholas Sparks. Ele é um dos poucos escritores de romances que realmente me prendem a cada minuto e me faz idealizar um homem perfeito. Se você estiver lendo isso Nicholas, estou solteira por culpa sua, ok? (Mentira, é por minha culpa, mas enfim). Uma Longa Jornada é um livro apaixonante, que vai te conquistar logo na primeira página.

Meu nome é Ira Levinson e hoje vocês ouvirão minha história de amor. Não é do tipo que poderiam imaginar. Não é uma história com heróis e vilões, tampouco uma com belos príncipes e princesas. É uma história sobre um homem simples chamado Ira que conheceu uma mulher extraordinária chamada Ruth. Nós nos conhecemos na juventude e nos apaixonamos; no devido tempo, nos casamos e fizemos nossos votos. Uma história como muitas outras, exceto pelo fato de Ruth ter um olho para a arte, ao passo que eu só tinha olhos para ela. De algum modo isso foi suficiente para reunirmos uma coleção que se tornou inestimável para nós dois. Para Ruth, a arte era uma questão de talento; para mim, era simplesmente um reflexo de Ruth, e assim enchemos nossa casa e tivemos uma vida longa e feliz. Então, cedo demais a meu ver, aquilo acabou e me vi sozinho num mundo que não fazia mais nenhum sentido (p. 396).

Comentários Facebook
Juki

Graduanda em letras e canceriana de 22 anos na identidade, mesmo com cara de 17. Apaixonada por games, música e literatura, viciada em animes e mangás e louca por chocolate.

Deixe sua opinião

Seu email não será publicado.



*

  1. jessica

    24 de março de 2015

    Ei Juliana,
    Infelizmente Sparks não é um escritor que gosto tanto, como não sou fã de romances quase não leio os livros dele. Fico feliz que você tenha gostado do livro.

    Jéssica – Coração Leitor

  2. Clube das 6

    27 de março de 2015

    Ola, tudo bem?

    Rolou uma identificação com você quando disse que está solteira por causa do Sparks, Ele me fez acreditar que existem homens perfeitos hahaha!!! Mas confesso que hoje em dia não leio mais, acho que cansei do mesmo mimimi de sempre 🙁

    Beijos, Be
    http://www.clubedas6.com.br

  3. Livros Encantos

    27 de março de 2015

    Ola tudo bem ? Confesso que sempre fico com pé atrás com Tio Nick sempre me faz chorar ou mata um personagem . Adorei a premissa desse livro espero não chorar demais. beijos

    Joyce
    http://www.livrosencantos.com

  4. Brubs.

    28 de março de 2015

    Esse livro não consegue me fazer ter interessante por ele. Na verdade, Sparks já deu o que tinha que dar, tem que dar renovada, os livros dele parecem serem tudo igual
    http://contodeumlivro.blogspot.com.br/

  5. Aline Gonçalves

    28 de março de 2015

    Oie, tudo bom?
    Eu até tenho vontade de ler esse livro, mas tenho certa preguiça das narrativas do tio Nick. Preciso ler seus romances de forma espaçada porque sempre acabo achando mais do mesmo. Talvez eu me anime em ler Uma Longa Jornada agora que vai sair o filme.
    Beijos,
    http://livrosyviagens.blogspot.com.br/

  6. Dryh Meira

    28 de março de 2015

    Oiee ^^
    Tenho esse livro aqui na minha estante, mas ainda não comecei a ler. Não estou muito a fim de ler Nicholas Sparks no momento…haha' Fiquei curiosa depois da sua resenha, mas ainda vou adiar um pouco a leitura *-*
    MilkMilks
    http://shakedepalavras.blogspot.com.br

  7. Lunna Marcela

    28 de março de 2015

    Que lindo e triste ao mesmo tempo, porem uma história de amor verdadeira sempre nos da um alento a mais . bjs

    http://florroxapoemasepoesias.blogspot.com.br/

  8. Cila – Leitora Voraz

    29 de março de 2015

    Oi Juliana, tudo bem?
    Estava me divertindo muito com sua resenha, a parte de ser solteira ficou engraçado, até que você resolve colocar o trecho do livro. Tio Nick não tem jeito, porque ele sempre quer fazer a gente sofrer? Parece ser mais um romance apaixonante dele, gostei mais da capa do filme. Não vejo a hora de ler e de ver o filme também.
    beijinhos.
    cila.
    http://cantinhoparaleitura.blogspot.com.br/

  9. Fernanda Bizerra

    29 de março de 2015

    Oiee.

    Li apenas um dos livros do autor e nem sou fã assim.
    Gostei de sua resenha e estou um pouco curiosa para conhecer esta obra

    Beijos
    http://www.amorliterario.com

  10. Diana Canaverde

    29 de março de 2015

    Oi flor… até hoje só li um livro do autor… que foi Um amor para recordar e detestei por pura influência do filme que é perfeito, mas não desisti de dar uma chance ao autor até mesmo porque ganhei quatro livros dele… então porque não tentar de novo?? Esse livro em si não me interessou muito… seria um dos livros dele que eu realmente não leria… com o filme já posso pensar… Xero!

  11. Paula Juliana – Overdose Literária

    30 de março de 2015

    Flor! Eu também culpo os autores por minha solterice – relaxa, é normal, procuramos os lindos homens que lemos, Tio Nicholas escreve homens maravilhoso! Curiosa com essa nova obra! Parabéns pela resenha!
    Beijos

  12. Pah

    30 de março de 2015

    O Nicholas é o tipo de autor que eu incluo na categoria dos que seguem uma receita de bolo, infelizmente a dele não funciona para mim :/ Já tentei ler livros dele e nenhum me cativou ou funcionou, por isso não leria esse
    bjos
    Pah
    Lendo e Escrevendo

  13. Biazinha

    1 de abril de 2015

    Realmente os personagens do Nicholas são incrivelmente envolventes,e o desenvolvimento da trama sempre me prendem também,mas os finais acabam comigo e acabo nçao lendo quase nada dele.

    bjsss

    Apaixonadas por Livros

  14. Livros & Tal…

    2 de abril de 2015

    hahahaha Juliana eu também to solteira por causa do tio Nick hahahahaha
    Eu sou suspeita pra falar dos livros dele… amo todos e isso nao é segredo nao <3
    Linda jornada eu amei o livro e sabe que eu to curiosa para ver o filme?

    beijos
    Mayara

  15. Carlos Henrique

    4 de abril de 2015

    Olá tudo bem?
    Bom, eu nunca li nada do autor e meio que criei uma barreira contra. Nada pessoal mas depois de ler tantos comentários negativos e de ter um gênero que eu não gosto decidi que por hora eu não daria uma chance ao autor.
    Abraços, Carlos.

    http://blogchuvadeletras.blogspot.com.br/